Logo | Cursos SENAI Rio


Notícias

Conheça o Laboratório de Joias do SENAI Maracanã


Foto: Renata Mello


Conheça o  Laboratório de Joias do SENAI Maracanã


Aliando inovação tecnológica à qualificação profissional, o SENAI Maracanã inaugurou o Laboratório de Joias. O espaço de 200 m² conta com seis laboratórios completos, de modelagem 3D, prototipagem e espectrometria, treinamento e desenvolvimento, joalheria, cravação e fundição.


O Laboratório é o primeiro com esse porte tecnológico no estado do Rio e tem como papel ser um centro de apoio e formação de mão de obra qualificada em todos os processos do setor de joias. Sérgio Duarte, vice-presidente da FIRJAN, ressalta que, com o país em crise, as empresas estão buscando soluções, otimizando seus processos e reduzindo custos, pois não se pode parar de produzir.


“Embora com um cenário econômico adverso e menos recursos disponíveis, não deixamos de entregar ferramentas importantes para os empresários fluminenses. O Laboratório de Joias é mais um incentivo para que o setor se qualifique e inove”, informou.


 
Foto: Renata Mello


O segmento de joias, que emprega cerca 13 mil pessoas diretamente, passou por transformações significativas, principalmente tecnológicas, por causa de sua facilidade em incorporá-las. Com isso, um dos maiores ganhos com a inauguração passa pela aproximação entre a indústria e a escola, segundo Carla Pinheiro, presidente da Ajorio.


“Precisamos aproximá-las cada vez mais para que as pesquisas sejam direcionadas às necessidades reais dos empresários. Portanto, esse Laboratório é mais uma ferramenta para o nosso reposicionamento no mercado, já que a prototipagem e a impressão 3D são o futuro do setor”, pontuou Carla, que também é proprietária da Art Leve Design de Joias.


Os industriais do setor de joias puderam conhecer de perto as novas tecnologias. Ida Benz, proprietária da marca Iddha, acredita que o acesso ao Laboratório ajudará a aumentar a produtividade e a competitividade dessa indústria: “Ter à nossa disposição um centro onde podemos aprender novas tecnologias de produção vai nos ajudar a elaborar peças mais criativas e diferenciadas, principalmente para quem tem empresas pequenas”. 


Além de cursos de prateleira, técnicas básicas e avançadas de confecção de joias, a iniciativa também amplia a grade de cursos para atender a todas as fases do processo de produção da indústria. Os novos títulos referem-se aos procedimentos de fundição, cravação de gemas, modelagem 3D e prototipagem rápida.


SAIBA MAIS: