Logo | Cursos SENAI Rio


Curso:

Especialização em Engenharia de Soldagem



Conheça melhor este curso:

Soldagem é uma atividade essencial para a fabricação de uma ampla gama de produtos, indo desde processos de alta potência como a soldagem a laser para navios de grande porte até micro soldagem de finos arames em placas de circuito. A união por soldagem apresenta expansão contínua nas indústrias de petróleo, gás e petroquímica; automotiva, aeroespacial, construção naval; nas indústrias bélicas e na fabricação em geral.

Os conhecimentos adquiridos na pós-graduação em Engenharia de Soldagem atendem às necessidades destes segmentos e as competências e habilidades desenvolvidas pelos alunos voltam-se ao seu emprego em uma ampla gama de áreas que fazem parte da tecnologia de soldagem moderna como: projeto e automação, controle e robotização de processos de soldagem, Controle de Qualidade na Fabricação e Produtividade e Gestão de Custos da Produção.

Acreditação e Parceria - O conteúdo formativo e a carga horária da pós-graduação em Engenharia de Soldagem possibilita aos alunos obterem dois certificados, o IWE (International Welding Engineer) e o certificado reconhecido pelo MEC de Especialista em Engenharia de Soldagem.
Além destes certificados o aluno encontra-se apto também a prestar exame de qualificação e certificação do Sistema Nacional de Qualificação e Certificação como Engenheiro de Soldagem pela Fundação Brasileira de Tecnologia de Soldagem, organismo nacional acreditado pela Coordenação Geral de Acreditação do Inmetro - Cgcre, como Organismo de Certificação de Pessoas (OPC) e de Produtos (OCP).

A estruturação do curso é resultado de um processo de construção compartilhado, legítimo e representativo feito pelo Comitê Técnico Setorial constituído por representantes das instituições: FAETEC; ÍNTEGRA; WHITE MARTINS; PETROBRAS; SENAI/CTS DE SOLDA; FACULDADE SENAI-RIO. A abordagem metodológica utilizada na construção do desenho pedagógico é orientada pelos princípios de flexibilidade, participação ativa do profissional, integração, contextualização, construção progressiva e cumulativa de saberes e aproveitamento de estudos de caso e de competências em aulas práticas desenvolvidas nos laboratórios da unidade SENAI do CTS-SOLDA. A estruturação resultante foi posteriormente avaliada e validada pelo ABS-ANB(IIW).

O curso abrange o estudo da metalurgia física e os aspectos fundamentais da estrutura e suas relações com o comportamento elasto-plástico de metais e ligas; os principais processos de corte, soldagem e união de plásticos, compósitos e cerâmicos; Fundamentos de resistência dos materiais, projeto de juntas soldadas, comportamento de estruturas/equipamentos soldados sobre diferentes condições de carregamento e Mecânica da Fratura; Controle de qualidade de construções soldadas, medição controle e registro da soldagem, Tensões residuais e distorção, Ensaios não destrutivos, reparos, produtividade e custo da soldagem.

O egresso desse curso deverá apresentar o domínio fundamental de tecnologias de soldagem e estar apto a desenvolvimentos técnicos com objetivos específicos tais como: Elaborar projetos de fabricação por soldagem; Coordenar os processos de fabricação por soldagem e Avaliar performance de juntas soldadas em equipamentos e estruturas.




Pré-requisitos:

Curso de graduação nas áreas de Engenharias; Tecnólogos em áreas afins; Outras áreas com comprovação de experiência em soldagem.




Conteúdo:

Os saberes identificados foram organizados em unidades curriculares que foram agrupadas, de acordo com a natureza do conhecimento, em módulos.

Módulo I
É constituído por duas unidades curriculares: MATERIAIS I e II. A disciplina fundamental é a metalurgia física.
O objetivo principal é proporcionar ao aluno a base teórica para o entendimento da correlação entre os processos metalúrgicos de fabricação, a microestrutura, as transformações de fase, as tensões residuais e seus efeitos nos materiais metálicos em aplicações estruturais soldadas.

Módulo II
Integra um conjunto de três unidades curriculares: PROCESSOS E EQUIPAMENTOS DE SOLDAGEM I E II; PRÁTICA DE PROCESSOS DE SOLDAGEM.
O objetivo é apresentar os principais processos de soldagem (Eletrodo Revestido, TIG, MIG/MAG, Arco Submerso, Arame Tubular, solda por resistência, Laser, Eletro Beam, Plasma), bem como processos de corte, brazagem e união de materiais cerâmicos, plásticos e compósitos.
Neste módulo os alunos têm a oportunidade de praticar a soldagem, efetuar acompanhamento/controle/monitoramento da operação de soldagem, calcular/registrar parâmetros, efetuar dimensionamento de soldas, etc.

Módulo III
Compõe-se da unidade curricular PROJETO e CONSTRUÇÃO.
Este módulo volta-se para os aspectos fundamentais do projeto de uniões soldadas tendo como base a resistências dos materiais, o projeto e dimensionamento de juntas soldadas e o seu comportamento sob diferentes carregamentos. As análises são voltadas para estruturas soldadas e para equipamentos que contêm pressão. Complementa o módulo o estudo da mecânica da fratura em juntas soldadas.

Módulo IV
É formado pelas unidades curriculares FABRICAÇÃO I E II.
O objetivo é introduzir os processos de fabricação metalmecânica relacionados aos equipamentos e dispositivos de construção e montagem. Trata-se o planejamento, execução o controle de qualidade da soldagem, controle de distorção e tensões residuais durante a fabricação. São desenvolvidos os conceitos de produtividade e custo da produção. São apresentados os ensaios não destrutivos, critérios de aceitação, procedimentos de reparo e conceitos de segurança, higiene e saúde nas operações de soldagem.




Carga horária:

464h